quarta-feira, 24 de Setembro de 2008


Um dia ele chegou tão diferente
do seu jeito de sempre chegar,
Olhou-a de um jeito muito mais quente
do que sempre costumava olhar,
E não maldisse a vida tanto
quanto era seu jeito de sempre falar,
E nem deixou-a só num canto,
pra seu grande espanto, convidou-a pra rodar...

E então ela se fez bonita
como há muito tempo não queria ousar,
Com seu vestido decotado
cheirando a guardado de tanto esperar,
Depois os dois deram-se os braços
como há muito tempo não se usava dar,
E, cheios de ternura e graça,
foram para a praça e começaram a se abraçar.

E ali dançaram tanta dança
que a vizinhança toda despertou,
E foi tanta felicidade
que toda cidade se iluminou,
E foram tantos beijos loucos, tantos gritos roucos
como não se ouvia mais,
Que o mundo compreendeu,
e o dia amanheceu em paz...

terça-feira, 23 de Setembro de 2008


passei momentos bons e menos bons . mas todos eles foram benéficos pois sai deles com alguma aprendizagem . agora parece que encontrei a felicidade mas tenho medo de falar , tenho medo de ser feliz tenho medo que todos os momentos que tenho passado que acabe assim de um momento para o outro. vou escrevendo ate que os meus dedos fiquem dormentes te amo muito

domingo, 21 de Setembro de 2008



Teu corpo faminto estremece ao meu toque
A carne macia das tuas pernas inflama desejo.
O prazer de navegar no teu mar me molha..
E o mel do meu centro em ti despejo.

O corpo nu coberto de paixão
Os beijos molhados, sugados
Mostram o caminho da perdição...
Nem sei pra onde vou...pra que lado!

Teus olhos gulosos provocam quentura
Vem a vontade alucinante
E o despertar dessa fome te transforma
No meu homem, meu eterno amante

Toma meu tesouro guardado
Suga, beija, devora
Não sacia tua vontade louca
Por mais, teu corpo implora

E penetrando nos sonhos mais loucos
Com mãos atrevidas , teimosas e bandidas
A boca gulosa não resiste ao sabor
A lingua se torna guerreira, destemida

E na folia sobre a cama
Vou ardendo, vou queimando
Num ritmo alucinado
No teu corpo vou galopando

A noite se fez cúmplice
Dos corpos em fusão
Teu desejo no meu corpo
Teu prazer gravado em mim

sábado, 20 de Setembro de 2008

Posted by Picasa

vidas

vidas vividas..... vidas passadas......
palavras contidas .....amores mal tratados ......
tenho que falar.....encontrei-te e nao te quero perder ....
es a minha paixao ..... es o dono do meu coraçao....
nao queres crer ....nao quero perder-te ..... vou-te amar....
vou-te cuidar......quero que me ames ....... como eu te amo....
nunca assim me senti.....parece que voltei aos meus 18 anos ....
engraçado mas faria tudo de novo para te ter...... quero ser correspondida .....TE AMO